Notícias > Notícias
Ambientação de competidores marca início da Olimpíada do Conhecimento em Campo Grande

Olimpíada Mundial de Profissões que será realizada em Kazan, na Rússia

Olimpíada do Conhecimento também servirá para a apresentação de projetos inovadores desenvolvidos pelo Sistema Fiems, Famasul e Sebrae/MS

Olimpíada do Conhecimento também servirá para a apresentação de projetos inovadores desenvolvidos pelo Sistema Fiems, Famasul e Sebrae/MS – Divulgação

Tudo precisa estar organizado para que as provas sejam executadas da melhor forma durante os quatro dias das seletivas da WorldSkills 2019, uma espécie de Olimpíada Mundial de Profissões que será realizada em Kazan, na Rússia. Por isso, os 27 competidores que participarão da disputa, que começa nesta segunda-feira (10/09) e prossegue até sexta-feira (14/09) durante a Olimpíada do Conhecimento, evento realizado pelo Senai com apoio do Sesi e do IEL, estiveram neste domingo (09/09) no Centro de Convenções e Exposições Albano Franco, em Campo Grande (MS), para fazer a ambientação do local.

“Este é o momento em que os competidores irão se familiarizar com os materiais que serão utilizados durante os quatro dias de provas, testar as máquinas e preparar todo o ambiente de trabalho para começar a competição. É importante que eles se organizem da melhor forma para realizarem uma boa prova, porque é aqui que vamos escolher os representantes da delegação brasileira nas ocupações de ‘Instalações Elétricas Prediais’ e ‘Controle Industrial’ para atarem no mundial da Rússia”, explicou o coordenador técnico do Senai Naciona, Fábio Lima de Deus.

Segundo o gerente em gestão em tecnologia e inovação do Senai de Mato Grosso do Sul, Leandro Schneider, a ambientação pode definir os resultados ao final da competição. “É extremamente importante essa organização para o sucesso dos competidores, que estão preparando suas ferramentas e definem modelos de trabalho. Se eles não estiverem bem organizados agora, terão dificuldade para fazer uma boa entrega, porque os trabalhos são avaliados conforme o tempo de realização e a qualidade apresentada”, destacou.

Competidores

Com apenas 16 anos de idade e representando Mato Grosso do Sul, Daniel Silva Delcato é o mais novo competidor das seletivas da WorldSkills 2019 em Campo Grande, mas a pouca idade não intimida. “Estou confiante no meu potencial, porque sei o quanto treinei e me preparei para essa competição. Hoje estou organizado meu material conforme a ordem com que os equipamentos deverão ser utilizados e espero realmente conquistar um bom resultado e, quem sabe, representar o País na Rússia ano que vem”, afirmou, acrescentando que é aluno do curso técnico em eletrotécnica do Senai de Naviraí e que disputa a seletiva da ocupação “Instalações Elétricas Prediais”.

Competindo na mesma ocupação de Daniel, Carlos Augusto Neotte Brys, de 20 anos, é aluno do curso de eletricista de manutenção do Senai de Sapucaia do Sul (RS) e vem se preparando para as provas desde maio de 2016. Atento a cada grão de pó do seu espaço, está se preparando para que as provas sejam executadas com rapidez e precisão. “Como vou colar a fita adesiva na parede para a realização das provas, sei que a poeira pode me prejudicar, então estou limpando tudo com muito cuidado. Este é o momento para eu me preparar e poder dar o meu melhor a partir desta segunda-feira, quando começa a bateria”, ressaltou.

Representando Minas Gerais, Victor Antonio Fonseca e Silva, de 18 anos, é aluno do curso técnico em automação do Senai de São João Del Rei (MG) e iniciou a preparação para as seletivas da ocupação de “Controle Industrial” em novembro de 2016. “Acredito que estar aqui é uma oportunidade única e meu objetivo é colocar em prática tudo o que aprendi durante o curso e os treinos. O resultado vai ser apenas a consequência do bom trabalho”, salientou.

Já Suelem Lopes, de 18 anos, é a única competidora mulher da competição em Campo Grande. Aluna do curso técnico em automação do Senai de Porto Velho (RO) e disputando a ocupação de “Controle Industrial”, acredita que tem a mesma capacidade de qualquer um dos concorrentes. “Pode ser que um ou outro esteja mais preparado por conta do tempo de treinos, mas não sou mais fraca ou menos capaz porque sou mulher. Acho importante estar aqui mostrando que todo mundo pode atuar na profissão que quiser e já estou muito feliz por poder representar meu Estado. Meu objetivo é dar o meu melhor”, finalizou.

Evento paralelo

A Olimpíada do Conhecimento também servirá para a apresentação de projetos inovadores desenvolvidos pelo Sistema Fiems, Famasul e Sebrae/MS. O Senai mostrará como funcionam os materiais de realidade aumentada utilizados na educação da instituição, além de levar para dentro do Albano Franco um laboratório para fazer ensaios microbiológicos e físico-químicos de alimento, divulgando produtos e serviços técnicos e tecnológicos e consultorias disponibilizados pelo IST Alimentos e Bebidas (Instituto Senai de Tecnologia em Alimentos e Bebidas), instalado em Dourados (MS).

Os visitantes da Olimpíada do Conhecimento também poderão conhecer o “Inova Senai”, mostra de projetos inovadores elaborados e prototipados pelos alunos dos cursos de qualificação profissional da instituição em resposta às demandas das indústria sul-mato-grossense como resultado de uma metodologia que prima pela prática integradora entre o ambiente escolar e os desafios tecnológicos apresentados pelas empresas.

Isso sem falar no “Grand Prix”, uma corrida de inovação aberta em que as equipes multidisciplinares, chamadas escuderias, criam, desenvolvem e prototipam soluções inovadoras para um desafio lançado por uma indústria de Mato Grosso do Sul em tempo real. É uma demonstração da combinação entre métodos de inovação aberta, criatividade orientada para resultados, conceitos de empreendedorismo, redes colaborativas e profissionais. A competição dura 72 horas e, ao fim, as escuderias apresentam seus protótipos inovadores acompanhados dos modelos de negócio (Pitch e Canvas) para uma banca avaliadora composta pela empresa que lançou o desafio, professores e convidados de instituições científicas.

Sesi e IEL

Já o Sesi terá um espaço jovial e clean aberto para todos os que desejam conhecer soluções da Startup de Educação, como projetos de gamificação corporativa. “Tá Certo?” é o nome de um jogo que busca reforçar o aprendizado das mudanças ortográficas e melhorar o uso da linguagem formal da Língua Portuguesa. Utilizado pelos alunos da Rede Sesi de Ensino, o game também estará disponível para os visitantes do evento, que poderão jogar por meio de tablets que estarão no estande.

Quem for à Olimpíada do Conhecimento também poderá experimentar os óculos de realidade virtual, com vídeos que abordam temas de saúde e segurança no trabalho, utilizados para reforçar o conteúdo e aprendizagem dos cursos de NR 23, norma regulamentadora que trata de proteção contra incêndios, e NR 35, que trata de trabalho em altura. O Sesi também oferecerá ao público do evento duas oficinas com a metodologia Lego Serious Play, utilizado para conduzir reuniões, melhorar a comunicação, facilitar o pensamento e auxiliar os processos de análise e busca de solução de problemas complexos.

Com os temas “Competências de times de Sucesso” e “Comportamentos inovadores”, as oficinas serão realizadas entre os dias 10 e 13 de setembro, sendo a primeira das 15h30 às 17 horas e a segunda, das 19h às 20h30. Cada oficina poderá ter até 10 participantes, que deverão ser maiores de 21 anos e vivenciar desafios corporativos relacionados aos temas. Os visitantes da Olimpíada do Conhecimento poderão ainda realizar avaliação física no estande do Sesi. Uma balança multifuncional, que por meio de um software integrado consegue traçar um perfil sobre a saúde, informando a pressão arterial, peso, altura e o índice de massa corpórea.

O equipamento integra o programa Programa Saúde em Forma, desenvolvido pelo Centro de Inovação do Sesi de Mato Grosso do Sul – Sistemas de Gestão em Saúde e Segurança do Trabalho e tem como objetivo traçar um perfil sobre a saúde do trabalhador da indústria. Já o IEL levará para o Centro de Convenções e Exposições Albano Franco, no dia 11 de setembro, às 19 horas, o workshop da metodologia do Sistema de Gestão de Compliance, que permite que o empresário possa alcançar com maior solidez seus objetivos estratégicos.

A sinergia da empresa com todas as normas, ditames de regulamentação e controles internos eficiente representam maior qualidade na atividade empresarial, economia de recursos, evitando gastos com multas, punições e cobranças judiciais, e fortalecimento da marca no mercado como uma empresa séria e ética. O estande do IEL também apresentará um quiz para os empresários avaliarem o grau de inovação de sua empresa e oferecerá uma palestra sobre negociação e gestão de conflitos para os estagiários, que ainda poderão se divertir com roletas interativas sobre temas da atualidade.

Parceiros

A Famasul, por meio do Senar/MS, levará para a Olimpíada do Conhecimento oficinas tecnológicas, como “Agricultura Urbana”, “Agricultura de Precisão” e “Utilização de Drones na Agricultura de Precisão”. O objetivo é fomentar diretamente o trabalho no campo, cada vez mais tecnificado, ou a prestação de serviços para quem aposta na qualificação profissional no segmento de paisagismo e jardinagem.

No caso da oficina de “Agricultura Urbana”, o objetivo é produzir plantas ornamentais, executando projeto de paisagismo e manutenção dos espaços, utilizando ferramentas básicas, técnicas atuais, aproveitando resíduos e materiais do local ou região. Já a oficina de “Agricultura de Precisão” consiste em gerenciar detalhadamente todos os processos envolvidos na produção, por meio do uso de tecnologias, ferramentas e procedimentos, baseados nas informações coletadas pontualmente no campo.

Por último, o Senar levará a oficina de “Utilização de Drones na Agricultura de Precisão”, que abordará o uso de drones como tecnologia de precisão e sua utilização em propriedades rurais, respeitando as legislações vigentes. Por meio do drone é possível realizar um mapeamento aéreo da propriedade, auxiliando o produtor em todas as suas rotinas e decisões.

Já o Sebrae/MS contará com um espaço em que serão realizados jogos empresariais online, com perguntas sobre temas relacionados aos desafios do dia a dia de um negócio, como gestão de pessoas, finanças, marketing e planejamento. A cada 40 minutos, serão formados quatro times de três pessoas que estiverem visitando a feira, para que possam competir na plataforma. Especialistas do Sebrae estarão no estande para, antes de cada disputa, orientar as equipes com dicas sobre as temáticas.

Serviço – A Olimpíada do Conhecimento é realizada no Centro de Convenções e Exposições Albano Franco, na Avenida Mato Grosso, 5.017, Bairro Carandá Bosque, Campo Grande (MS), das 13 às 21 horas, com entrada franca

Fonte: www.acritica.net