Notícias > Notícias
Joinville: Sesi/Senai movimenta indústria diversificada

 

Foto: Marcos Campos

Em visita à região, superintendente do Conselho Nacional, general Pedro Fioravante, conheceu os principais destaques do ensino, pesquisas e serviços oferecidos pelo Sistema S

Equipe do Conselho Nacional do Sesi visitou, nesta semana, o município de Joinville, em Santa Catarina. A comitiva, liderada pelo superintendente, general Pedro Fioravante, acompanhou as atividades de pesquisa, ensino e serviços ofertadas pelo Sesi/Senai na região, responsável pela capacitação, atendimento às comunidades e movimentação da economia local.

O Município é o maior do Estado, à frente inclusive da capital, Florianópolis. São mais de cinco mil indústrias de diversos segmentos que fornecem produtos e serviços para todo o país e geram emprego e renda para a população.

A capacitação para a Indústria é feita por meio da Jornada do Estudante, em que o aluno é matriculado na creche e segue no modelo de ensino do Sesi/Senai até a Pós-Graduação. A estrutura tem 627 laboratórios, 105 cozinhas, 414 salas de aulas e espaços especializados para a educação profissional.

Após o ensino regular, os estudantes têm acesso à Faculdade Senai e ao Instituto de Inovação da Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina – Fiesc. “Cerca de 85 % dos alunos do Senai são absorvidos pelo mercado de trabalho na região. O Instituto é referência, inclusive, no que diz respeito aos equipamentos de primeira linha. São tecnologias inéditas no país”, destacou o superintendente do Conselho Nacional em visita ao espaço.

Um dos diferenciais é a FarmaSesi, farmácia criada na década de 60 para atendimento exclusivo aos trabalhadores da Indústria, mas que teve ser escopo ampliado e hoje atende à toda a comunidade local e municípios vizinhos.

Na escola de Aviação, os alunos aprendem desde a mecânica das aeronaves à solução de problemas reais do setor, em parceria com a Anac. Os estudantes que se destacam participam de competições internacionais e projetos de cooperação. Em 2021, haverá grupos representando a cidade na principal competição mundial de habilidades profissionais – Worldskills, que ocorrerá em Shangai. Há também a previsão de lançamento de satélite em parceria com centros de inovação da índia.

No segmento de alimentação, o projeto Alimenta Sesi fornece refeições, lanches e buffet temático para mais de 100 mil trabalhadores da Indústria por dia, alcançando outras unidades da federação.

“A Fiesc tem receita própria superior ao que recebe por contribuição compulsória, dando a ela a qualidade de autogestão”, registrou Pedro Fioravante.

O ensino do Sesi/Senai em Santa Catarina também inclui pesquisas e produtos nos setores de energia elétrica, Tecnologia da Informação, projetos em parceria com a Marinha e outros. Todos os resultados são mensurados e acompanhados pelo Observatório da Indústria, desde 2014, que oferece insumos também para outros estados e ajuda na tomada de decisões estratégicas para a expansão das atividades de pesquisa e produção.

Fotos: André Kopsch/Marcos Campos – FIESC

PHP Code Snippets Powered By : XYZScripts.com