Notícias > Notícias
Instrução Normativa institui Planejamento Estratégico CNSESI
As ações de planejamento e monitoramento de resultados tornam-se parte permanente da cultura organizacional

O superintendente do Conselho Nacional do SESI (CNSESI), general Pedro Fioravante, assinou a Instrução Normativa (IN) nº 003/2020, que institui o Planejamento Estratégico Organizacional e dispõe sobre sua elaboração, monitoramento, avaliação e revisão.

O documento estabelece o Planejamento Estratégico como instrumento permanente da cultura organizacional. A elaboração envolve todos os departamentos e deve ser atualizada a cada quatro anos. Ou seja, a cada nova gestão.

A implementação de um Planejamento Estratégico Organizacional para o Conselho Nacional é uma diretriz da atual gestão, o que demonstra claramente o seu comprometimento com a conformidade e a excelência de seus processos. 

As Gerências e Coordenações das áreas têm papel importante na criação de indicadores e estratégias que visem o cumprimento da missão institucional. O conjunto de atividades a serem desenvolvidas por etapas compõe o Plano de Ação, que é anual e serve como orientação para a equipe técnica, com prazos estabelecidos.

O monitoramento deve ser realizado periodicamente, sob a coordenação da Gerência de Planejamento, Gestão e Fiscalização (GEPLAN) e supervisão da Superintendência Executiva. Atualmente, as reuniões desta natureza ocorrem mensalmente.

Ao longo do processo, podem ser feitos ajustes para melhor adequar o Plano de Ação ao cenário interno e externo. Os gestores também deverão estar atentos para alinhar as estratégias ao orçamento aprovado pelo Conselho Nacional para cada ano.

Clique aqui e acesse a Instrução Normativa nº003/2020 na íntegra.